Qual a importância do DevOps, afinal?

Publicado em 12 de junho de 2017 às 10:11

Devops


Competitivo, dinâmico e globalizado, o mercado requer que as empresas tenham um diferencial para se destacar. Principalmente porque, cada vez mais, as inovações são baseadas em softwares, que mudam muito rapidamente. Por isso, em Tecnologia da Informação (TI), velocidade, confiabilidade e inovação são fundamentais.

Esse cenário afeta a maioria dos segmentos da economia e aumenta velozmente a competitividade. E essa é a razão para, já há algum tempo, a TI tentar ser mais rápida e a otimização de processos estar na pauta do dia das empresas. Um dos conceitos mais atuais e estratégicos nesse sentido é o DevOps.

O que é DevOps?

É a união das equipes de desenvolvimento e operações para acelerar as entregas em produção com um elevado grau de qualidade. Quando esses dois departamentos atuam em conjunto, o processo acaba sendo otimizado e é realizado sem interrupções. Assim, a empresa se posiciona de forma mais ágil diante das oportunidades.

O DevOps tem a filosofia de entrega contínua, ou seja, pequenas partes de código são liberadas a cada vez. Assim, aumenta a capacidade de distribuir aplicativos e serviços com rapidez e qualidade. Ele considera que as mudanças acontecem tão rápida e frequentemente, que outra opção pode colocar o negócio em risco.

Adotar esse conceito requer uma mudança de modelo mental, além de requerer conhecimento de outras práticas e uso intenso de tecnologia para tornar o processo de desenvolvimento de software mais automatizado. Quem já optou pela metodologia, porém, tem tido bons resultados.

O estudo 2017 State of DevOps Report entrevistou 300 profissionais de TI envolvidos com DevOps. 25% deles disseram que a prática ajudou a reduzir custos em sua organização enquanto 20% relacionaram a metodologia a aumento nas receitas. Além disso, cerca de 80% viram ou esperam ver melhoras na estabilidade da produção e 78% viram ou esperam ver melhora no desempenho das aplicações.

Qual a importância do DevOps nos negócios?

O DevOps coloca profissionais de áreas diferentes trabalhando juntos, em equipes híbridas ou em grupos homogêneos que atuam em conjunto. A colaboração entre eles traz muitos benefícios: como a tensão entre as equipes é reduzida em razão do trabalho colaborativo, o resultado é uma entrega mais consistente.

O ritmo acelerado da era digital requer agilidade para atender as demandas crescentes por inovação. Com o DevOps, a companhia otimiza e aperfeiçoa produtos mais rapidamente do que se usasse processos tradicionais. Assim, pode atender melhor aos clientes e encarar a concorrência de modo mais eficaz.

Qual retorno pode trazer?

Com o fornecimento contínuo de software, há menos problemas — e, em geral, menos complexos, ou seja, com resolução mais rápida — para corrigir. Isso sem contar que a entrega é mais rápida e os ambientes operacionais são mais estáveis. Assim, há mais tempo disponível para adicionar valor aos produtos.

Entre os benefícios de usar DevOps, alguns podem ser destacados:

  • sinergia: sinergia entre as equipes envolvidas no projeto é fundamental para atingir agilidade e qualidade nos resultados a serem entregues;

  • proatividade e prevenção: usando colaboração para desenvolvimento e implantação, o departamento de TI se torna mais proativa, ou seja, pode se antecipar e resolver eventuais problemas antes que causem impacto negativo à organização;

  • menos custo e mais qualidade: a automação dos processos de entrega reduz consideravelmente os custos e diminui as falhas humanas.

Gostou deste conteúdo? Entre em contato conosco para saber mais, contar suas experiências ou expor suas dúvidas.